Justiça Federal determina bloqueio de R$ 5 milhões da Funpec

O juiz federal Mario Jambo determinou o bloqueio de dinheiro de pessoas e empresas envolvidas no escândalo do LAIS/UFRN, que resultou na Operação Faraó. A lista contem os seguintes nomes: 

a) R$ 14.741.124,07 (quatorze milhões, setecentos e quarenta e um mil, cento e vinte e quatro reais e sete centavos), por FIELDS COMUNICAÇÃO LTDA., SIDNEY CAMPOS SILVA, MÁRIO CÉSAR LOPES DA ROSA e RUSKAYA ZANINI CAMPOS.

b) R$ 2.637.536,59 (dois milhões, seiscentos e trinta e sete mil, quinhentos e trinta e seis reais e cinquenta e nove centavos), por VAPT FILMES PRODUÇÕES EIRELI e JOSÉ EDGARD SOARES MOREIRA FILHO.

c) R$ 1.323.438,44 (um milhão, trezentos e vinte e três mil, quatrocentos e trinta e oito reais e quarenta e quatro centavos), por HEAD PRODUÇÃO DE FILMES, VÍDEOS E FOTOS e LUIZ EUGÊNIO CARDOSO DA SILVA.

d) R$ 1.971.179,59 (um milhão, novecentos e setenta e um mil, cento e setenta e nove reais e cinquenta e nove centavos), por FORMIGA COMUNICAÇÃO INTEGRADA LTDA, PAULO VICTOR JABOUR TANNURI VALVERDE MORAIS, BRENO CAMPOS CADAVID e ÁLVARO RABELLO MACIEL.

e) R$ 297.442,58 (duzentos e noventa e sete mil, quatrocentos e quarenta e dois reais e cinquenta e oito centavos), por INVESTMÍDIA INVESTIMENTOS E MARKETING LTDA., TIAGO DE SOUZA BERNARDES e LUDMILLA COSTA BASTOS BERNARDES.

f) R$ 5.319.383,26 (cinco milhões, trezentos e dezenove mil, trezentos e oitenta e três reais e vinte e seis centavos) por FUNDAÇÃO NORTE-RIO GRANDENSE DE PESQUISA CULTURA – FUNPEC.

g) R$ 131.348,84 (cento e trinta e um mil, trezentos e quarenta e oito reais e oitenta e quatro centavos), por ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DA INDÚSTRIA DE ARTIGOS E EQUIPAMENTOS MÉDICOS, ODONTOLÓGICOS, HOSPITALARES E DE LABORATÓRIOS;

h) R$ 102.034,76 (cento e dois mil, trinta e quatro reais e setenta e seis centavos), por RICARDO ALEXSANDRO DE MEDEIROS VALENTIM.

i) R$ 24.329,93 (vinte e quatro mil, trezentos e vinte e nove reais e noventa e três centavos), por KARILANY DANTAS COUTINHO.

Vale lembrar que, conforme apontou o jornalista Gustavo Negreiros, além do diretor do LAIS, Ricardo Valentim, a esposa dele, Janaína Valentim, também é investigada. 

por Caboré Locações Publicado em Notícias

Deixe seu comentário!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s