Fifa aprova novas regras e jogadores terão direito a deixar clube após 2 meses de salários atrasados

A Fifa já aprovou mudanças em seu regulamento de transferência de jogadores que vão apertar os clubes caloteiros e facilitar a liberação de jogadores com salários atrasados. O documento com as novas regras já está pronto e com aval dentro dos comitês internos: deve entrar em vigor ainda em 2018. Outras modificações mais profundas na norma estão em debate, mas não têm data por falta de consenso.

O regulamento para status e transferências de jogadores da Fifa controla todo o funcionamento do mercado do futebol, ao definir como se dão as relações contratuais entre clube e atleta. Há uma avaliação dentro da Fifa de que o atual conjunto de regras está defasado e necessita de alterações.

Entre as mudanças já aprovadas, está novo tratamento para clubes devedores. Um dos itens que foi incluído é que os jogadores poderão obter rescisão do contrato após dois meses de salários atrasados. E isso será calculado em um média em relação a tudo que é devido ao atleta em um ano, incluindo bônus. Deve valer para casos internacionais.

Deixe seu comentário!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s