Vereador delator de Caicó pede proteção policial

Três vereadores do município de Caicó, no Seridó potiguar, pediram nesta quarta-feira (15) proteção policial à Procuradoria-Geral de Justiça. A solicitação aconteceu depois da Operação Tubérculo, deflagrada pelo Ministério Público nesta terça (14) na cidade. Um deles gravou uma conversa que serviu para a investigação do MP. Sobre os pedidos dos outros dois, não foi detalhado o motivo.

Segundo o MP, os vereadores Zaqueu Fernandes Gomes, Rosângela Maria da Silva e Frankslâneo Diogo da Silva terão escolta armada para garantir sua segurança. Eles procuraram diretamente o procurador-geral, Eudo Leite, para pedir proteção.

Ainda de acordo com o Ministério Público, o áudio enviado aos promotores foi gravado por Zaqueu Fernandes, e mostra uma conversa entre ele e o vereador Raimundo Inácio Filho, o “Lobão”. Na gravação, Lobão pede a Zaquei que vote a favor do prefeito Robson Araújo, o Batata, na Comissão Especial de Inquérito (CEI) que foi instalada para apurar a responsabilidade de todas as gestões públicas municipais, desde a criação da Contribuição para Custeio dos Serviços de Iluminação Pública (Cosip).

por Caboré Locações Publicado em Notícias

Deixe seu comentário!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s