Renan Calheiros acusa jornalista de Veja de assédio

O senador Renan Calheiros (MDB-AL) provocou um “barraco” nas redes sociais, neste domingo (3), um dia após sair derrotado da eleição para a presidência do Senado, que ficou nas mãos de Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Em sua conta no Twitter, o emedebista publicou uma mensagem curiosa, na qual expõe supostos detalhes da intimidade da jornalista Dora Kramer, além de citar o ex-ministro Geddel Vieira de Lima, que está preso, e o ex-senador Ramez Tebet, que faleceu em 2006.

“A @DoraKramer (Veja) acha que sou arrogante. Não sou. Sou casado e por isso sempre fugi do seu assédio. Ora, seu marido era meu assessor, e preferi encorajar Geddel e Ramez, que chegou a colocar um membro mecânico para namorá-la. Não foi presunção. Foi fidelidade”, escreveu Renan Calheiros. A mensagem foi apagada da rede social após uma série de críticas.

por Caboré Locações Publicado em Notícias

Deixe seu comentário!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s