Em novembro o RN tem saldo positivo com carteira assinada

O Rio Grande do Norte terminou o mês de novembro com um saldo positivo de 1.690 vagas de emprego no mercado formal. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do mês, divulgado nesta quinta-feira, 19, pelo Ministério da Economia, foram contratadas 11.606 pessoas em novembro, contra 9.916 desligamentos.

A alta na geração de empregos foi puxada principalmente pelo comércio. O setor teve um saldo positivo de 1.128 vagas em novembro, bem à frente do setor de serviços, que terminou o mês passado com saldo positivo em 574 vagas. Além dos dois segmentos, também houve aumento na construção civil, com saldo de 152 vagas.

A agropecuária, que vinha sendo uma das principais responsáveis pelos saldos positivos nos meses anteriores, mais demitiu que contratou em novembro. O Caged aponta que o setor terminou o mês com saldo negativo de 89 vagas – fruto de 608 demissões contra apenas 519 contratações. Também fecharam no vermelho os setores extrativa mineral (-30), a indústria de transformação (-25), os serviços industriais de utilidade pública (-13) e a administração pública (-7).

Com o resultado de novembro, o saldo do ano no Rio Grande do Norte está positivo em 6.952 vagas, fruto de 138.930 contratações contra 131.978 desligamentos. Considerando todos os meses do ano até agora, destacam-se as contratações no setor de serviços (+4.185 vagas).

No estado potiguar, o resultado do mês passado foi o melhor para novembro desde 2010. Naquele ano, o saldo positivo foi de 2.203 vagas.

por Caboré Locações Publicado em Notícias

Bandido rouba carros, é baleado e morre na zona Norte de Natal

morte bandido

Um bandido morreu após roubar dois carros em sequência e trocar tiros com uma pessoa que passava no momento de um dos assaltos, nesta quinta-feira, 19, no conjunto Vale Dourado, na zona Norte de Natal.

Três criminosos roubaram o primeiro veículo na rua Paulistana, no bairro Potengi. Um popular, que estava na hora da ação dos assaltantes decidiu persegui-los.

Já no Vale Dourado, os bandidos tomaram outro carro de assalto, quando o homem, que, segundo a Polícia Militar, não foi identificado, trocou tiros com os criminosos.

Durante o confronto, um dos assaltantes foi baleado e morreu. Os outros dois comparsas fugiram. De acordo com a PM, o homem que reagiu ao crime também fugiu e não foi encontrado.

Agora RN

por Caboré Locações Publicado em Notícias

Assembleia legislativa realiza Sessão Solene em homenagem a Igreja Universal

universal
Por proposição do deputado Coronel Azevedo (PSC), a Assembleia Legislativa realizou Sessão Solene, na tarde desta Quinta-Feira (19), para celebrar os 42 anos da Igreja Universal do Reino de Deus. Com auditório lotado, representantes dos grupos que desempenham trabalhos sociais desenvolvidos pela Igreja receberam as placas em homenagem a atuação religiosa e social.

Como propositor, o deputado Coronel Azevedo presidiu a mesa diretiva e abriu o evento com um breve histórico de atuação da Igreja Universal no rio Grande do Norte destacando a atuação dos grupos que desenvolvem trabalhos sociais presentes na sessão.

“Em seus 42 anos de existência, a Igreja Universal construiu uma história de fé e respeito a palavra em todo o Rio Grande do Norte. Conheço o trabalho desenvolvido na igreja universal, participei de algumas reuniões e tenho amigos que nela congregam. Parabenizo o trabalho realizado, que expande a palavra de deus pelo mundo e atende necessitados, por meio de seus grupos sociais”. Disse o parlamentar.

O pastor Raimundo Santos, representante do Grupo Calebe, que desenvolve trabalho de acolhimento para pessoas da melhor idade, agradeceu a homenagem e explicou a atuação do grupo. “Calebe era um homem que não se curvava diante da idade. Essa é a filosofia do Grupo Calebe. Trabalhamos no sentido de promover o acolhimento de idosos de todas as religiões. Não importa se é evangélico, católico ou de qualquer outra religião. O que importa é oferecer melhor qualidade de vida para as pessoas”. Explicou o pastor.

O pastor presidente, Max Souza, também agradeceu a homenagem, lembrou o trabalho realizado pela Universal desde a sua fundação e destacou as ações realizadas em 2019. “Esse foi um ano de luta. Perseveramos sem deixar de confiar, porém, não estamos terminando apenas um ano, mas uma década de muitas realizações. Já propusemos dentro de nós que a partir de 2020 teremos uma década de muita força onde cremos, com afinco, que seremos muito mais usados por deus”. Disse o pastor.

Representando a Câmara Municipal de Natal, o vereador pastor Francisco de Assis, destacou as dificuldades enfrentadas pela Igreja Universal e lembrou que essa foi a primeira vez que a Igreja foi homenageada, mesmo com todo trabalho realizado em favor da sociedade. “Já se passaram 42 anos de atuação com grandes serviços prestados a sociedade por meio dos trabalhos sociais que a Igreja Universal realiza. Nunca ninguém lembrou de homenagear a Igreja. O deputado Coronel Azevedo Lembrou. Portanto, esse é um dia histórico para a Igreja Universal do Reino de Deus”. Concluiu o vereador.

Homenageados:

Grupo da Saúde, Pastor Vanilton José Louseiro Costa
Grupo do Resgate, Pastor José Josvando Vale Mota
Grupo de Escola de Mães e Mães em Oração, Jaqueline Duarte de Souza Silva
Grupo FJU Força Jovem Universal, Pastor Daniel Miguel Honorato
Grupo Goodllywood, Cristiane da Silva Freire Barbosa
Grupo Raabe, Jandira Francisca Meneses Silva
Grupo Sócio Educativo Pastor Claudinei Martins Bernardo
Grupo UFP Universal nas Forças Policiais, Pastor Alisson Silva de Almeida
Grupo Última Pedra, Pastor William Samuel da Silva
Rede Aleluia, 102,9 FM, Pastor Paulo Sérgio Santos Silva
Unigrejas, Pastor Marcos Antônio Barbosa da Silva,

por Caboré Locações Publicado em Notícias

Membros do Conselho do Artesanato do RN são empossados pela governadora

b8c4f107-98c6-442a-a241-8a04b8da16bc

O Governo do RN segue firme no propósito de valorização do artesanato potiguar e dos profissionais que compõem essa grande rede produtiva. Na tarde desta quinta-feira (19), no Auditório da Governadoria, a governadora Fátima Bezerra empossou os membros do Conselho do Programa do Artesanato do Rio Grande do Norte (CPARN), mecanismo importante para implementar as políticas públicas para a atividade, que fomenta a economia e contribui para sustentar pelo menos 10 mil famílias no Estado, segundo dados do Programa Artesanato do Estado do Rio Grande do Norte (Proarte).

“O conselho foi criado para dar vez, voz e vida ao artesanato potiguar”, disse Fátima. A governadora relembrou sua atuação parlamentar quando, no início do mandato de senadora, ela compôs a Frente Parlamentar de Valorização do Artesanato, que culminou na regulamentação da profissão. “O conselho é um dos passos para a construção do Plano Estadual do Artesanato que será construído coletivamente. Junto com vocês, definiremos as diretrizes e metas para esta atividade tão importante para o desenvolvimento econômico”, destacou.

A secretária de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas), Íris Oliveira, ressaltou que a valorização do artesanato é uma das prioridades deste governo e que o conselho é um instrumento para fiscalizar e monitorar as ações públicas que fomentam a atividade. “A cada reunião realizada nos territórios, nós conhecemos de perto a realidade das artesãs e dos artesãos potiguares e é nosso compromisso trabalhar para que essa atividade seja cada vez mais reconhecida”, afirmou.

Coordenadora do Proarte, Graça Leal destacou a inclusão dos indígenas, quilombolas e povos de terreiros nos editais de chamamento para participação nos eventos apoiados pela Sethas, processos que têm sido realizados de forma transparente e democrática. “O ano de 2019 passou e temos a certeza de que cumprimos nossas metas. Hoje estamos aqui para celebrar uma conquista, pois pela primeira vez foi criado um conselho para fiscalizar e monitorar as ações do Proarte”, disse. Em 2019, o artesanato potiguar teve um faturamento de R$ 1 milhão em 18 feiras realizadas no Estado e R$ 320 mil em eventos nacionais.

A artesã Ailma Geraldo representou a sociedade civil e enalteceu a criação do CPARN como mais um instrumento de valorização da atividade. “Podemos dizer que este é o resultado de uma história de luta que a gente vem trilhando há muitos anos. Ao criar este espaço de construção de uma política pública para o artesanato, o governo demonstra que reconhece as artesãs e os artesãos como profissionais que somos”, afirmou. A artesã Márcia Oliveira, da Federação Norte-rio-grande de Artesanato (Fenart), entidade que compõe o conselho, frisou o processo que é feito coletivamente. “Somos gratos por todo o apoio que temos recebido”, declarou.

O Conselho, composto por 12 membros, sendo 06 titulares e 06 suplentes foi criado pela Lei Complementar Nº 599, de 31 de julho de 2017, que dispõe sobre o Proarte. Caberá ao conselho assessorar, orientar e fiscalizar o Proarte. A presidência do Conselho será exercida por representante da Sethas. Compõem o CPARN os seguintes órgãos: Sethas, FJA (Fundação José Augusto); Setur (Secretaria de Estado do Turismo), Fenart (Federação Norte-rio-grandense de Artesãos do RN); Fórum Potiguar de Economia Solidária e Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas).

Na abertura do evento, o cantor Isaque Galvão fez uma breve apresentação e também houve desfile de artesãs com uma peça para representar as tipologia. Participaram da mesa diretora da solenidade, além das pessoas já citadas, o vice-governador Antenor Roberto, a vereadora Divaneide Basílio, o presidente da FJA, Crispiniano Neto, o assessor técnico do Sebra-RN, João Hélio, e o coordenador da Fiart (Feira Internacional de Artesanato), Neiwaldo Guedes. Após a assinatura do termo de posse, a governadora assinou o termo de compromisso para realização da 25ª edição da Fiart, que todo ano, no mês de janeiro, movimenta o Centro de Convenções.

CONFERÊNCIA ESTADUAL – Este ano, foram realizadas reuniões territoriais em Canguaretama (Agreste); Currais Novos (Seridó); Pau dos Ferros (Alto Oeste); em Macau (Sertão Central Cabugi e Litoral Norte); Apodi (Sertão do Apodi). Os encontros são preparatórios para a Conferência Estadual do Artesanato, que será realizada em 2020 em data ainda a ser definida.

Atualmente, o cadastro de artesãos do Proarte tem cerca de 10 mil profissionais. Em 2019, foram cadastrados 735 artesãos e artesãs individuais, 20 associações e 263 renovações. Os cadastros são acompanhados da emissão da Carteira Nacional do Artesão, documento do Programa do Artesanato Brasileiro (PAB) que possibilita aos artesãos e artesãs participarem de feiras e eventos no país, além de facilitar que produtores/as tenham acesso a crédito e financiamento por parte de instituições oficiais.

Essas ações fizeram com que o Rio Grande do Norte se tornasse um dos estados com maior número de artesãos do Brasil, segundo levantamento do Programa do Artesanato Brasileiro (PAB).  Através dos editais públicos, a Sethas levou artesãos para feiras e salões de artesanato no RN e em outros estados, com o objetivo de dinamizar e incentivar toda a cadeia produtiva do artesanato e fomentar a economia potiguar diante da recessão econômica brasileira.

Banner_675x90-governo

por Caboré Locações Publicado em Notícias