Momento deliciado diz secretário estadual de saúde do RN

Com base na análise diária da evolução da pandemia do novo coronavírus, o secretário adjunto da Saúde Pública do Governo do RN, médico Petrônio Spinelli, considerou neste sábado (25) o momento como “delicado, por que os números crescem com gravidade e trazem a preocupação com a ocupação, por casos graves, de 41,5% dos leitos disponíveis.

O RN tem atualmente 3.928 casos suspeitos em 155 municípios. 781 casos confirmados em 53 municípios. 2.838 casos descartados, 40 óbitos em 17 cidades e 289 recuperados. Petrônio explicou que tudo o que está sendo feito pelo Governo e pelas equipes médicas nas unidades de saúde e hospitais fica neutralizado se o comportamento social não obedecer as regras de proteção. “A ocupação dos leitos hoje mostra isso. E já constatamos um tensionamento nas UPAs, pronto-socorros e hospitais. É preciso repetir: há forte necessidade de a população manter o isolamento social”.

Spinelli atribui o aumento dos casos à saída às ruas e a permanência das pessoas em filas, sem a devida proteção, para receber a ajuda de R$ 600,00 do Governo Federal e resolver problemas bancários. “Toda vez que há aumento de aglomerações, o impacto acontece 10 a 14 dias depois. A previsão é que os próximos dias serão dramáticos, pois vão refletir a saída das pessoas às ruas nos dias passados”, explica.

Sobre a descrição para serviços e atividades funcionarem, contidas no Decreto 29.634, Spinelli disse que não são medidas para as pessoas irem às ruas, mas para dar condições de melhor abastecimento e atendimento às necessidades essenciais, e permitir o isolamento. “Até agora o isolamento não alcançou o nível que precisamos. Talvez os próximos dias exijam medidas mais drásticas. A evolução das ocorrências vai dizer”.

Médico sanitarista e secretário de Desenvolvimento Econômico e Social do Governo do RN, Jaime Calado informou que as medidas do decreto foram tomadas ouvindo o Comitê de especialistas e cientistas da UFRN, do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde – LAIS  e da Fundação Oswaldo Cruz, que assessora a administração estadual, e em obediência às recomendações da OMS e do Ministério da Saúde. “Não há flexibilização e sim expressão na norma do que é atividade essencial. E, se observados os cuidados recomendados, não teremos impacto. Não vamos sair dessa sozinho. Temos que somar esforços, cada um fazendo sua parte”.

Jaime Calado também afirmou que “o uso da máscara é fundamental, única barreira entre você e o coronavírus. O uso da máscara reduz em mais de 90% a possibilidade de contágio. Nenhum país do mundo saiu dessa pandemia sem o uso generalizado de máscaras”.

por Caboré Locações Publicado em Notícias

Ladrão foge algemado após assalto com reféns

Um dos dois assaltantes que foram presos no final da tarde deste sábado (25) após tentar fazer um arrastão e pegar seis vítimas como reféns, conseguiu fugir da polícia durante a realização dos exames de corpo de delito. O caso aconteceu à noite no Instituto Técnico Científico de Perícia (Itep), em Natal.

Aos policiais, o suspeito afirmou que era adolescente, mas a Polícia Civil afirmou que não. Ele não foi recapturado até a manhã deste domingo (26).

O homem estava sob custódia da Polícia Civil e tinha acabado de realizar o exame de corpo de delito no Itep quando conseguiu sair correndo pelo bairro da Ribeira no momento em que se preparavam para voltar à delegacia.

Segundo servidores do Itep, ele estava algemado e fugiu pelo bairro da Zona Leste no sentido às Rocas. A polícia fez buscas, mas não conseguiu recuperá-lo.

A dupla foi presa no final da tarde, após fazer seis pessoas reféns em um assalto nas lojas Americanas Express, na avenida Afonso Pena, no bairro de Petrópolis, em Natal. Os dois bandidos invadiram a loja por volta das 16h30 e tentaram fazer um arrastão, mas a polícia cercou o estabelecimento.

Os criminosos, então, seguiram para a sala de estoque e fizeram funcionários e clientes de reféns por cerca de uma hora. Para liberar as vítimas, pediram a presença da imprensa e foram atendidos. Eles se entregaram e foram levados à Central de Flagrantes, onde o crime foi registrado, e de onde seguiram para o Itep.

por Caboré Locações Publicado em Notícias

Gestores terão dificuldades de pagar a folha de maio

O revés na economia provocado pela pandemia do novo coronavírus pode ser dimensionado, em Estados e Municípios, pela queda na arrecadação de impostos.

Do dia 1º ao dia 20 de abril, a frustração de receitas oriundas do Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS), recolhido pelo Governo do Estado, supera os R$ 53 milhões.

No Município do Natal, a apuração do Imposto Sobre Serviços (ISS) acumula queda de R$ 2,47 milhões. Com isso, os entes enfrentarão ainda mais problemas para quitar folhas de pagamento de pessoal e dívidas com fornecedores. A situação, que já é difícil, tende a piorar ainda mais em maio.

por Caboré Locações Publicado em Notícias

Armando Ribeiro tem aumentado de volume

O nível da barragem Armando Ribeiro Gonçalves, no Vale do Açu (RN), elevou mais 70 centímetros.  Agora faltam 8,81 metros para a sangria do reservatório. O volume aumentou cerca de 76 milhões de metros cúbicos. Hoje o reservatório está com 1,090 bilhão de metros cúbicos, que corresponde a 45,95% de sua capacidade máxima.

por Caboré Locações Publicado em Notícias

Governo iniciou entrega de cestas básicas


O Governo do Estado iniciou, neste sábado (25), a entrega de cestas básicas, leite e produtos lácteos, máscaras e álcool 70% dentro das ações dos programas RN+Unido e RN+Protegido, uma parceria com empresários e instituições do Rio Grande do Norte. A ação beneficiou 22 instituições filantrópicas que cuidam de pessoas idosas, crianças e pessoas em situação de vulnerabilidade social, localizadas em Natal, Mossoró, Caicó, Goianinha e Baía Formosa. Foram entregues 392 cestas básicas, 6.500 máscaras, 894 litros de álcool 70° e 10 mil litros de leite e bebida láctea, alcançando 1 mil famílias com a entregas dos donativos.

Os secretários de Estado e representantes das empresas que fizeram as doações participaram da entrega nos municípios. O Controlador Geral do Estado, Pedro Lopes, e o secretário da Sedraf, Alexandre Lima, em Mossoró; César Oliveira (Emater), em Caicó; e Íris Oliveira da Sethas, em Natal.

As instituições que receberam as doações também foram orientadas sobre prevenção ao novo coronavírus (covid-19), como adotar o distanciamento social mínimo 1,5 m, uso de máscaras, limpeza das mãos, entre outras informações. Ao longo da semana, ainda serão distribuídos 8 mil litros de bebidas lácteas em 40 municípios do RN, chegando a 80 instituições e comunidades, favorecendo mais de 5 mil pessoas.

As doações foram feitas através da arrecadação dos programas de caráter social e emergencial, o RN+Unido e o RN+Protegido, criados para atender a população mais vulnerável e que contam com a colaboração da sociedade em geral e solidariedade da classe empresarial. “O Governo do Rio Grande do Norte está realizando hoje uma importante atividade de entrega das doações feitas nas campanhas RN+Unido e RN+Protegido. A ação se soma às demais iniciativas e aos programas do Governo do Estado”, resume a secretária da Sethas, Iris Oliveira.

Segundo ela, a campanha RN+Unido já arrecadou duas toneladas de alimentos e o Sindleite (Sindicato das Indústrias de Laticínios e Produtos Derivados do RN) somou com doação de 10 mil litros de leite e bebida láctea.

O Governo do Estado já distribui diariamente 80 mil litros de leite pelo Programa Leite Potiguar (PLP). Os 10 mil litros que a campanha recebeu de doação do Sindleite estão sendo entregues a instituições, sobretudo, que atendem crianças e adolescentes e idosos no RN. “É um aporte que amplia esse grande Programa que já tem 30 anos, o PLP, e que neste momento de pandemia, o Governo mantém e continua atendendo as populações em situação de vulnerabilidade”, pontua Iris Oliveira.

O controlador-geral, Pedro Lopes, enfatiza que o apoio das empresas, cidadãos e instituições como a Cruz Vermelha Brasileira é essencial na arrecadação das doações e também nas entregas. “Nesse momento de crise é fundamental a união entre o Governo e a sociedade. Destaco aqui a grande participação das empresas e das pessoas que fizeram as doações e estão juntas nessa luta. Que continuemos nessa unidade, buscando vencer essa crise provocada pelo coronavírus”, ressaltou.

Em Mossoró, as doações beneficiaram 250 famílias com 105 cestas básicas, 1.900 máscaras, 240 litros de álcool a 70° e 500 litros de bebidas lácteas. O secretário de Desenvolvimento Rural e da Agricultura Familiar, Alexandre Lima, participou da entrega e ressaltou a participação da Associação do Auditores Fiscais que fez a doação de 105 cestas básicas.

“É importante frisar que essa iniciativa conta com a parceria do Governo com o Ministério Público, hoje especificamente com a Associação de Auditores Fiscais do RN que fez uma doação de cestas básicas. É o Governo sendo o articulador de parcerias para atender as populações mais vulneráveis como acampamentos urbanos e instituições ligadas à igreja. A tendência é que essa iniciativa continue, sempre buscando atender os mais vulneráveis”, explicou o secretário.

por Caboré Locações Publicado em Notícias