Dois pacientes morrem após falta de vaga em UTI

Dois pacientes de 55 anos morreram em Natal após esperar por um leito de UTI na capital potiguar. Um deles conseguiu ser internado após 12 dias de espera, por conta de uma decisão judicial movida pela família. Mas, após 2 dias no Hospital Giselda Trigueiro, não resistiu e morreu com o coronavírus. O outro sequer conseguiu ter o tratamento adequado para casos graves de Covid-19.

Isac Ferreira Azevedo, de 55 anos, ficou internado por quatro dias na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Cidade da Esperança. Ele buscou a unidade na segunda-feira (25) com dificuldades para respirar. Internado, ficou no aguardo de um leito de UTI, já que necessitava ser entubado. Nesta sexta-feira (29), a família recebeu a notícia de que ele havia morrido. O exame confirmou coronavírus nesta tarde.

por Caboré Locações Publicado em Notícias

2 comentários a “Dois pacientes morrem após falta de vaga em UTI

  1. ONTEM AS REDES SOCIAIS O ASSUNTO FOI. PORQUE A UTI DE ULTIMA GERAÇÃO DEIXADA PELO GOVERNO ROBSON EM CURRAIS NOVOS NÃO ESTA FUNCIONANDO A ATENDENDO AOS PACIENTES DE COVID 19.
    FONTES DO PRÓPRIO HOSPITAL REVELOU A ALGUNS QUE É A FALTA DE UM CNPJ E A REGULAMENTAÇÃO JUNTO AO MINISTÉRIO DA SAÚDE.
    ISSO A MAIS DE DE 03 ANOS.
    É MUITO GRAVE.
    ANONIMO.

Deixe seu comentário!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s